Resultados superiores no índice DGC comprova a melhora da qualidade no fornecimento de energia

Após as quedas consecutivas dos últimos anos, a qualidade dos serviços de distribuição de energia elétrica alcançou os melhores resultados em 2020, segundo a ANEEL. 

Avaliado anualmente, o Desempenho Global de Continuidade (DGC) determina a qualidade dos serviços de energia elétrica fornecidos pelas distribuidoras por meio de dois indicadores:

 DEC (Duração Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora): média do tempo em que as unidades consumidoras ficaram sem energia elétrica no período de observação.

 FEC (Frequência Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora): média de interrupções ocorridas no período de observação.

Quanto menor o número de DEC e FEC, menor será o DGC e, consequentemente, a qualidade do fornecimento será maior. Segundo a ANEEL, os dois indicadores ficaram abaixo dos seus limites estabelecidos, na média nacional.

O DEC (que mede a duração das interrupções) foi de 11,5h no ano, apresentando uma redução de 10,51% em relação a 2019. É a primeira vez nos últimos dez anos que esse índice fica abaixo do limite (que em 2020 foi de 12,28h).

O FEC (que mede a frequência das interrupções) foi em média de 6,03 por consumidor, apresentando uma redução de 9,87% em relação a 2019. Além disso, o valor ficou bem abaixo do estabelecido pela ANEEL, que foi de 8,97 interrupções por unidade consumidora.

Quatro concessionárias associadas à Abrademp ficaram no top 5 entre as concessionárias de pequeno porte: Mux Energia, com DGC de 0,12 (1ª posição), JOÃO CESA, com DGC de 0,37 (3ª posição), EFLUL, com DGC de 0,42 (4ª posição) e DME, com DGC de 0,53 (5ª posição).

Consulte a posição de todas as associadas no site da ANEEL (bit.ly/3eFMBel).

logo-abrademp
telefone (62) 3307 7848
telefone (54) 3329 9905
e-mail abrademp@abrademp.com.br
endereço Av. Pátria, 1351 - Centro - Carazinho
- RS CEP:99500-000
© 2020 ABRADEMP - Todos os direitos reservados.